11 de mar de 2015

Mergulhei em mim


Flor da amendoeira


Mergulhei de mim.

Hoje em um momento de reflexão, mergulhei dentro de mim. Fui procurar aquele ser alegre, muitas vezes irreverente, que ri e sorri para a vida. Cheguei ao coração, pedi licença e entrei. Encontrei ele sentadinho em um cantinho no escuro, pensativo, triste, calado. Quis saber a razão daquela atitude. Percebi que ele tinha chorado; muito amorosamente peguei sua mão, ergui e trouxe ele para meu peito. Ali aconchegado a mim, sentindo meu calor, meu amor compaixão, ficaria mais fácil conversarmos a respeito. Me disse de decepções, angustias , medos. Conversa vai e conversa vem, me disse que tem orado muito, há! ele se conecta com Deus e Jesus através do site www.jardindelys.org, é que as vezes está tão frágil que precisa de auxílio. Chegamos a conclusão que toda vez que olhamos mais profundamente para nós, acabamos tristes por ver que temos tantos defeitos. Também percebemos que agindo assim podemos nos melhorar, como seres humanos. E essa conversa entre eu e meu coração, foi muito boa, acabamos rindo e agradecendo a Jesus por todas as oportunidades que nós dá para crescimento moral e espiritual, que aproveitamos a pôr em prática, o Amor compaixão para nós e para nosso próximo.
Bel Talarico e seu irmão coração.

Rio de Janeiro 11/03/2015

Nenhum comentário: