24 de ago de 2008

"O CAMINHO"

Como é bom ter um caminho a seguir, onde nesse caminho nós encontramos nosso pai, nosso irmão maior e podemos confiar plenamente pois eles nos confortam até nos carregam em momentos difíceis. Claro que nós precisamos ter a fé raciocinada e sempre aceitar a vontade de Deus, mormente queremos a nossa vontade. Eu como mãe quero meus filhos perto de mim, mas não tenho esse poder. Aprendi a aceitar o que não depende de mim e fazer aquilo que eu posso. Ontem chorei de saudades de uma filha que está longe, conversando com Deus disse a ele que era lágrimas de saudades, não sentia outro tipo de sentimento era só saudade, existe também as preocupações naturais de mãe. Mas tenho bem firme dentro do meu coração a aceitação da vontade de Deus. Essa aceitação vem da fé e da compreensão de que nossos filhos na verdade não são nossos e sim de Deus, que nos confiou aqui na terra. Criamos, educamos e temos que deixa-los seguir seus caminhos. "A ACEITAÇÃO É O CONSENTIMENTO DA RAZÃO E A RESIGNAÇÃO É O CONSENTIMENTO DO ESPÍRITO" não é fácil. Hoje estou muito bem, dormi maravilhosamente bem. E fiquem com Deus.

Um comentário:

Noemi Szcypula disse...

Oie acholindo essa sua maneira de entender as coisas, será que falta muito pra eu ser como voce? Nesta minha cabecinha qualquer motivo é motivo pra ficar maluquinha, maluquinha!!!!!!!!!!. Deus continue te dando essa força imensa, te amo.